SÃO JOÃO DO OESTE: O Empolgante São João de Coribe

Written by: Editorial

O município de Coribe realiza um dos mais longos festejos juninos da Região Oeste da Bahia. A agenda se inicia geralmente entre os dias 15 ou 19 de junho e vai até o dia 26 de junho. Mas os dias das atrações musicais inciam a partir do dia 22 de junho.

O povo coribense sempre valorizaram os festejos juninos, devido a forte ligação com o nome São João, quando o primeiro nome era São João do Gerais. Com uma população de aproximadamente 15 mil habitantes e devotos de São João, fez do mês junino o mais animado no município.

A realização dos festejos além de atrair os turistas dos municípios vizinhos é destino de turistas de região Noroeste de Minas Gerais e Brasília, principalmente. No mês de junho, o colorido das bandeirolas toma conta da Sede municipal, o que dá o clima ideal para os visitantes.

Com a integração entre comunidade e poder público, o resgate as tradições sempre estão presentes com criatividade e capacidade de operacionalização do evento junino. São realizados concurso de quadrilhas, Pau de sebo, quebra-pote, comidas típicas e apresentação da quadrilha que mistura teatro e dança.

Grandes atrações de nível nacional já passaram pelo palco do São João de Coribe. E no festejo de 2017 teve atrações como Magníficos, Forrozão das Antigas e demais bandas regionais e locais.

Um dos diferenciais para manter a tradição está no fato de o município sempre ter apoio do Governo do Estado da Bahia, através do órgão de fomento ao turismo (Bahiatursa), o que garante apoio financeiro necessário para realização do evento.


ROTEIRO DAS NOSSAS REPORTAGENS - MAPA DO SÃO JOÃO TRADICIONAL DO OESTE DA BAHIA

Sítio Grande-São Desidério   São Félix do Coribe  Coribe  Paratinga   Gameleira da Lapa-Sítio do Mato

Category: Jornal do Povo
0 Acesso: 251

SÃO JOÃO DO OESTE: O Potencial São João do Distrito de Gameleira da Lapa e o Promissor São João de Sítio do Mato

Written by: Editorial

Distrito de Gameleira da Lapa - Arraiá do Gamelá

O São João no Distrito de Gameleira da Lapa, município de Sítio do Mato, é comemorado há algumas décadas. A relação dos festejos juninos iniciados na trezena de Santo Antônio- Padroeiro do Distrito - se estendiam pelo São João e, timidamente, iam até o São Pedro. 

Assim como na festa de Santo Antônio, o São João se tornou crescente e permanente. Esta indicação até poderia separar as atividades de pequenas brincadeiras como pau-de-sebo e fogueiras premiadas para as crianças e adolescente, passando pelas famosas quadrilhas para os jovens e adultos, e até a simbólica fogueira de porta em porta para os mais velhos.

A relação religiosa era evidente na localidade, uma vez que no mês de março - São José - se plantava e no mês de junho - São João - se colhia. Era assim o enredo necessário para dá espaço às alegrias nas comemorações ao som do tradicional forró de Luis Gonzaga.

Parte dessa cultura ainda é mantida. Quando se inicia o mês de junho, o astral de Gameleira, de pouco mais de 3 mil habitantes, já é outro. Altos e baixos nas comemorações aconteceram, mas a população nunca deixou de festejar o mês mais animado para a população local.

Após vários anos realizando as diversas atividades festivas já conhecidas, em 2002 um grupo de líderes culturais resolveram padronizar e organizar o evento com mais profissionalismo e atrair turistas da região, eis que surge o Arraiá do Gamelá.

A partir daí o resultado foi um produto turístico de proporção significativa, com concursos de quadrilhas, comidas típicas, fogueiras, casamento caipira, gincanas escolares e shows artísticos. A repaginada na festa junina do Distrito chamou a atenção de dirigentes da TV Aratu que passavam pela região, surgindo o primeiro grande patrocinador do evento. Em certo momento até o Ministério do Turismo concedeu apoio ao evento, mas assim como a emissora, foi em ocasião específica.

O fluxo turístico para Gameleira foi algo inédito para a comunidade, pessoas de diversas partes da Região Oeste da Bahia até mesmo algumas do Distrito Federal vieram prestigiar o evento. Caravanas também foram intensas na época.

A iniciativa popular local ganhou a dimensão necessária para que o poder publico apostasse no potencial que tinha o festejo e se manteve, mesmo sem o vigor que tinha inicialmente. Tlavez tenha faltado melhor diálogo e articulação entre população e poder público.

Anos subsequentes, o foco nos shows artísticos desviou a relevante diversidade festiva, deixando de lado a inovação e o fortalecimento das raízes da festa. Outro fator que afetou foi o gerenciamento do evento, seja pela falta de sua oficialidade no calendário festivo municipal ou pela dificuldade de planejamento sem uma comissão local de cultura.

Mesmo assim, o Arraiá continua sendo realizado pelos gestores públicos, mas sem força de crescimento e com evidente limitação regional. A zona urbana do Distrito de Sítio Grande, onde se realiza o o São João de São Desidério, tem estrutura menor e faz um pujante festejo junino.

Com a realização da festa percebe-se melhoria no comércio local, bares e restaurantes, hotelaria, transporte entre outros serviços. É uma ativação do entretenimento com relevante circulação de dinheiro na comunidade.

Algumas bandas e artistas conhecidos já estiveram no Arraiá do Gamelá. Apesar de todo o dinamismo artístico, as atrações continuam sendo peso importante na atração de turistas, que utilizam o mês de junho como ideal para conhecer cultura e novas localidades.

Sítio do Mato - Arraiá do Sítio

Em 2014, os gestores culturais da administração municipal tiveram iniciativa correta e introduziram o Arraiá do Sítio, celebrado na Cidade de Sítio do Mato, visando dá uma dimensão maior aos festejos comemorados no município.

A proposta foi importante porque ficou em sintonia com as atividades juninas, mesmo que pouco divulgada, que já são realizadas na sede municipal. Nesse curto tempo de existência, grande artistas já se apresentaram no Arraiá do Sítio.

São João em 2017

A gestão pública municipal tem mantido a festividade, mas ainda necessita estruturar a área cultural, evitando-se as as dificuldade e inciativas de apoio dos órgãos que financiam o São João, seja ele Estadual ou Federal.

O Arraiá do Sítio é um evento promissor, por elencar outros atrativos turísticos e possuir proximidade com outros centros urbanos maiores, já que seu foco está nas grandes atrações musicais.

Este ano, o Arraiá do Sítio terá como atração principal a Banda Amor de Cinema, Med Júnior e outras atrações regionais. 

O Arraiá do Gamelá tem tudo para ser o São João mais caracterizado de toda a região, por possuir uma raiz forte com os festejos juninos. Ainda carece de uma organização local, como na época que foi criado o Arraiá, e sempre contar com o apoio das autoridades municipais, independentemente.

As atrações para este ano são a Banda Saliva Doce, Shaulin e outros artistas regionais. Além disso, é previsto diversas atividades ligadas ao festejo como quadrilhas e muita fogueira no Distrito.

No geral, são esperados entre 5 a 8 mil pessoas no festejos do município, com públicos de toda região, bem como turistas de Brasílias e Goiás. Esse público poderia ser maior, caso a infraestrutura logística de acesso a BR-242 (BA-161) já tivesse sido recuperada.

O grande diferencial de Sítio do Mato nos festejos é por ser um povo acolhedor e cordial com os visitantes, cultiva as tradições, as raízes que foram bases da cultura do município. Boa localização e com um clima típico do mês de junho também favorecem os festejos.

O São João de Sítio do Mato tem condições de ser inserido no roteiro turístico nacional das festas juninas, mas ainda depende da sua população acreditar que pode mais e o poder público municipal apoiar.


ROTEIRO DAS NOSSAS REPORTAGENS - MAPA DO SÃO JOÃO TRADICIONAL DO OESTE DA BAHIA

Sítio Grande-São Desidério   São Félix do Coribe   Paratinga   Gameleira da Lapa-Sítio do Mato

Category: Jornal do Povo
0 Acesso: 815